24.6.07

Boss e o cão assistente

O Boss é um bocado desobediente, e a dona tem imenso medo de o soltar na rua. Excepto quando há um “cão assistente” por perto – quando algum amigo dele anda por ali, e é obediente e certinho, o Boss vai sempre atrás dele, que segue as instruções do dono...

5 comments:

caniche vagabundo said...

O meu dono solta-me, mas a minha dona não. Depois, estou sempre a ouvir a minha dona ralhar com o meu dono, porque os vizinhos dizem que ele não pode soltar a "fera" (que sou eu!).
Vá-se lá entender uma coisa destas!

IM said...

Para mim não dá...eu até sou obediente ( a minha dona viu-se na necessidade de me colocar quase um ano numa escola de treino para me "domar"...valeu a pena, diz ela!!), de imediato obedeço a um "senta", "deita", "fica", "junto", menos quando há cães por perto (conheça-os eu ou não) ou pessoas desconhecidas...depois eu não sou um labrador muito afável...sou muito arisco e já mordi duas vezes ao tal do treinador (pimba! Bem feito! Estava a querer mandar em mim...), sou muito possessivo e não deixo ninguém desconhecido aproximar-se da minha dona: sento-me à frente dela, arreganho os dentes, babo e rosno...ah pois é!! Para as pessoas de casa sou um lambido, um melado...
Portanto, resumindo, jamais daria para ir solto na rua (ainda outro dia dei umesticão tão repentino na trela por causa de uma menina que surgiu de bicicleta que a desgraçada assustou-se, caiu e ue ainda fiquei a ladrar....que vergonha para a minha dona..."dona, sorry!!")...
Michael

marla said...

querido VD,

tu és um "cão assistente"?

eu sou uma menina assistente às refeições e aos petiscos.
na rua sou insistente em correr e puxar a minha dona pela trela..

que saudades de "galopar" solta pela praia!

slap's

pipoca said...

Pois é, às vezes faz falta uma "muleta"... Talvez o teu amigo Boss vá percebendo com o tempo que, se também for obediente, a dona o solta mais vezes!

Van Dog said...

Caniche, Michael, que amigos rufias eu tenho! Cool!!

Eu não sou assistente, Marla... Mas vou tentar ser, como tu, assistente às refeições: compensa de certeza!

Pipoca, vou ver se falo com o Boss. Mas ele é um pouco tonto... ;)